Cobranças pelo uso de recursos hídricos no Brasil: Caminhos a seguir

O relatório tem como principal foco a cobrança pelo uso de recursos hídricos no Brasil. Avalia o seu estado atual e os desafios de implementação. Proporciona orientações para o avanço da implementação da cobrança no País como instrumento econômico e financeiro de gestão, visando prevenir e responder a situações de conflito pelo uso da água e de poluição, contribuindo para a segurança hídrica, e, consequentemente, favorecendo o crescimento econômico e o bem-estar social. O relatório evidencia a necessidade de informações, a aproximação da cobrança ao planejamento da bacia e a aplicação eficiente dos recursos arrecadados. O relatório inclui uma avaliação de três estudos de caso: o Estado do Rio de Janeiro, a Bacia do rio Paraíba do Sul e a Bacia do rio Piancó-Piranhas-Açu. Conclui com um plano de ação com etapas de implementação prática e delimitação de funções: quem pode fazer o quê para implementar as recomendações a curto, médio e longo prazo.
 

Leia o relatório on line ou baixe o arquivo por meio da i-Library da OCDE

Acesse o discurso de lançamentoe os destaques políticos

Para qualquer questionamento, por favour contate Esta dirección de correo electrónico está siendo protegida contra los robots de spam. Necesita tener JavaScript habilitado para poder verlo.

Outros trabalhos da OECD sobre governança da água: http://www.oecd.org/regional/watergovernanceprogramme.htm

Éste sitio web utiliza cookies para mejorar la experiencia del usuario Si continúa navegando está dando su consentimiento para la aceptación de dichas cookies. Más información